Assine nosso blog

Preencha o campo ao lado e receba novidades no seu email.

Como escolher o rejunte ideal

15 de Janeiro de 2018

Você sabe para que serve o rejunte? Além de ser um recurso estético, ele serve para preencher as juntas entre placas e azulejos, garantindo uma superfície plana. Dessa forma, é capaz de tornar a limpeza, tanto de pisos quanto de paredes, muito mais prática. 

Mas, atenção, utilize o rejunte correto para cada situação, assim é possível garantir um acabamento melhor e maior durabilidade do revestimento. Ele é perfeito para disfarçar irregularidades, deslocamento de peças, evitar rachaduras e mofo. 

Confira as principais características dos 3 tipos de rejunte mais usados:

Rejunte cimentício

O cimentício é o mais utilizado por ser também o mais barato. É possível encontrar uma versão para pisos e revestimentos de cerâmica e outra de rejunte para porcelanato.

É necessário que ele seja impermeabilizado se você optar por usá-lo em áreas úmidas, como rejunte para banheiro, cozinha e ambientes externos. Por possuir uma grande capacidade de absorção, acaba manchando, acumulando sujeira e mofo nesses cômodos. 

Ideal para locais onde as juntas são maiores, porque é mais rugoso e áspero, a qualidade do acabamento deixa a desejar em comparação com os outros tipos.

Rejunte epóxi 

Se você quiser saber qual o melhor rejunte para piscina, a resposta é: o epóxi. 

Apesar de ser consideravelmente mais caro do que o cimentício, o acabamento possui uma qualidade superior, além de ser compatível com inúmeros revestimentos.

É o caso do rejunte epóxi Quartzolit, que, ao contrário do anterior, é impermeável, antimofo e antimanchas. Essas características fazem dele o mais indicado para ambientes úmidos. No entanto, ele demanda bastante cuidado na aplicação.

Rejunte acrílico

Esse é o tipo mais moderno disponível atualmente e com o melhor custo/benefício num longo prazo.

Quando aplicado corretamente, é o rejunte que oferece maior durabilidade e melhor acabamento, o que acaba compensando o valor mais elevado.

Ao contrário do que muitos pensam, ou já ouviram falar, o rejunte acrílico não é difícil de ser aplicado, basta seguir os procedimentos corretos. Também é possível adquiri-lo já pronto para uso, diferentemente dos outros tipos, que necessitam da adição de água. 

Aprenda o passo a passo para você mesmo aplicar o rejunte acrílico:

Agora que você conhece as vantagens e desvantagens de cada tipo de rejunte, já sabe qual é o melhor para você? Deixe as suas dúvidas nos comentários!

Sua vida merece muito mais beleza, conforto e bem-estar.
Assine gratuitamente o Últimas Tendências.

Encontre um Profissional

Encontre um profissional para
sua reforma ou construção

Pesquisar

 

Sua vida merece muito mais beleza e conforto

Assine gratuitamente o Blog Últimas Tendências e fique por dentro de todas as novidades do universo da construção e decoração.

Carregando... Aguarde